BLOG

 
 
Buscar

FAA investiga mais um caso de Drone voando perigosamente próximo a uma aeronave

O orgão Norte-americano FAA está investigando o vídeo de um drone voando perigosamente perto de uma aeronave Airliner.

O vídeo viral dramático mostra um encontro de drone com um Airbus A320 da Frontier Airlines próximo ao aeroporto de Las Vegas-McCarran.


Quando vimos pela primeira vez (a algumas semanas atrás) um vídeo dramático de um drone voando próximo a um avião comercial, tal como muitas pessoas, achamos que era falso - ou pelo menos impossível de verificar como real. Agora, a FAA confirma que está levando o vídeo muito a sério, e membros da comunidade de drones nos EUA estão se apresentando para dizer que é 100% real - e um golpe estúpido que mancha toda a comunidade norte-americana e mundial.


O vídeo, originalmente postado em um grupo de entusiastas do drone no Facebook por James Jayo Older que se descreve como um estudante de Las Vegas, mostra o drone subindo rapidamente para uma altitude de pelo menos 300 metros antes de um Airbus A320 da Frontier Airlines passar por de baixo dele. Nos EUA, os drones estão restritos a altitudes não superiores a 400 pés (muito além das regras brasileiras que permitem no máximo 164 pés para voos em zonas rurais), mas, um drone de corrida feito sob medida como apresentado no video, não estaria preso aos algoritmos de “geofencing” que limitam eletronicamente voos acima dos embutidos como limite ao consumidor.


Detetives da Internet determinaram que o drone decolou de um estacionamento perto da Whitney Mesa Nature Preserve, a cerca de 5,6 milhas a leste das pistas 25L e 25R de McCarran. Em seguida, ele rapidamente subiu acima da rota de voo do jato Frontier focando nele sua câmera HD. O drone voa tão próximo ao Airbus A320 que até mesmo seu número de cauda, ​​N210FR, pode ser visto claramente no vídeo.


Essas pistas podem ajudar os investigadores a determinar quando o vídeo foi filmado. Grupos da indústria de drones foram rápidos em condenar o piloto do drone, que enfrenta um mundo de problemas se for pego. James Older confirmou que o vídeo é real, mas diz que ele não o filmou e apenas fez a postagem. Um porta-voz da FAA disse que o incidente está sob investigação. Se o perpetrador for encontrado, a pena pode ser bem severa chegando a uma multa de US $ 250.000 e três anos de prisão.

[para ler a matéria original, clique aqui]

0 visualização
 
 
 
 
  • Twitter Metallic
  • Facebook Metallic
  • YouTube Metallic

© 2018 DroneMagazine 

Todos direitos reservados

Desenvolvido por Adriano Stocco

Inaugurado em 07/09/2018